Quando o empreendedorismo do presente surge de acasos do passado 

A história por detrás do presente e do futuro de Alexandra Lemos

Alexandra Lemos

A arte de construir pontes pode ter começado na licenciatura, mas só mais tarde Alexandra Lemos descobriu que era realmente engenheira de pessoas. CEO da Premium Coaching, especialista em potenciar o desenvolvimento e desempenho de pessoas na sua esfera pessoal e profissional, Alexandra fala-nos sobre esta sua paixão cada vez mais necessária no panorama corporativo.

Licenciada em Engenharia Química e pós-graduada em Ciências Empresariais com a especialização em Empreendedorismo, Alexandra Lemos é uma empreendedora apaixonada por trabalhar com pessoas. Durante o percurso profissional, desenvolveu o seu trabalho no campo técnico e de vendas, consultoria e treino de equipas em empresas de setores industriais e de serviços, trabalhando diretamente com pessoas e os seus desafios diários. Numa altura em que fazia parte de uma equipa técnica que operou na construção da Ponte Vasco da Gama, aconteceu um acidente grave que tirou a vida a alguns dos seus colegas “e, por pouco não me atingiu, porque era suposto estar no mesmo local”, mas seguiu outro rumo e a vida mostrou que tinha outros planos para si. 

Alexandra trabalhou naquela ponte, portanto a ideia de continuar a desenvolver pontes pairava na sua mente, mas desta feita pontes consigo própria e entre os seres humanos. 

Esta ideia não a abandonou e decidiu pesquisar sobre pontes de comunicação, empatia e desenvolvimento pessoal e encontrou a palavra coaching

Hoje, acredita que este era o seu destino. Foi desta forma inusitada que Alexandra abraçou a fascinante profissão de coach, sendo certificada para a prática do Coaching pela ICC – International Coaching Community como Treinadora Internacional Certificada e como formadora da ICC para Portugal. 

Empresária na área do Coaching desde 2001, decidiu fundar, em 2016, a Premium Coaching que opera em Life, Business e Team Coaching com empresas nacionais e multinacionais. “Na Premium Coaching, temos três pilares fundamentais: a paixão por pessoas, a excelência do trabalho (com o facto de podermos ser excelentes em toda a cadeia de valor) e a confiança. Isso é representado no meu dia-a-dia, pelas inúmeras tarefas de responsabilidade que assumo”, revela a nossa entrevistada.

Cumprir uma missão

Para Alexandra Lemos, certificar pessoas na área do coaching é uma missão a ser cumprida, que se traduz numa gratidão profunda de ter pessoas que confiam em si e que depois aplicam as ferramentas de coaching nos seus contextos em cascata. “Isto significa que, embora esteja com aquelas pessoas num contexto formativo, sei que vou potenciar toda a capacidade que as pessoas têm de fazer melhores pontes”, sublinha, destacando o sentimento incomensurável que se traduz num significado maior do que qualquer palavra possa explicar. Significa dar o seu melhor e tirar o melhor dos outros e, em conjunto, tornarem o mundo num espaço melhor, especialmente, nos contextos em que se movem.  “Isto tem um impacto sistémico e a melhor recompensa é ter o feedback do mercado que posiciona as pessoas num nível de excelência”, realça Alexandra.

Na sua ótica, o coaching proporciona um espaço privilegiado para uma reflexão, com tempo, no sentido de perceber onde as pessoas estão e para onde querem ir. Desta forma, podem ponderar valores que estão ligados às emoções, mas também dar significado às coisas e crenças limitantes que, muitas vezes, são o que nos impede de atingir a nossa melhor versão. “O trabalho de coaching é sempre focado no cliente. O coach não tem as respostas, quem tem resposta para os seus temas é sempre o cliente. O cliente mergulha nos temas que quer melhorar, expandir, evoluir, criar, ampliar, mobilizar e transformar. Esse é um caminho de interioridade e de colocar em marcha uma mudança desejada”, esclarece a empresária, salientando que faz um trabalho de coaching individual, coaching executivo e coaching de equipas, “onde é explorada a componente de observar-se, escutar-se, validar-se e energizar-se, no sentido de avançar para a força do compromisso, que permite que as pessoas possam melhorar a comunicação interpessoal e a gestão do tempo”. O foco é o elemento humano na sua ligação com a vida, com a mudança e com a transformação.

De acordo com Alexandra Lemos, o coaching permite que seja elevada a performance das empresas, ou seja, o desempenho humano, porque este eleva-se, naturalmente, quando há menos interferências ao seu potencial. “Não estamos só a falar de desempenho ligado ao atingimento de objetivos, mas sim de algo muito valioso: o respeito pelos seus próprios valores, pelos valores da empresa, pelos colegas, pelos ritmos distintos e pelas idiossincrasias do perfil de cada um”, advoga a CEO da Premium Coaching.

Na realidade, aquelas que são zonas de preocupação na mentalidade, acabam por ser trabalhadas ao nível das crenças limitantes, levando as pessoas a perceberem que não vale a pena continuar a pensar e a investir energia naquilo que as limita e, assim, conseguem mudar formas de pensar sobre a realidade e sobre os seus objetivos.

“O amor está a chegar às empresas”

O lançamento de um livro é um dos projetos a breve trecho de Alexandra Lemos, um livro que escreve há alguns anos e que tem deixado crescer e fluir ao sabor das situações da vida. É dedicado a todas as pessoas ativas, para que possam melhorar o seu sistema, contribuindo para a melhoria do corpo organizacional e para a sua realização pessoal e profissional. “Tenho-me apercebido, através dos meus clientes, que as pessoas não estão assim tão felizes nas empresas onde trabalham e que, às vezes, estamos a um passinho de fazermos essa melhoria. 

O amor está a chegar às empresas. Entenda-se este por respeito, empatia, comunicação interpessoal, excelência, ter a capacidade de dar e receber feedback e a capacidade de vibrar com o sucesso dos outros”, revela Alexandra, sublinhando que criou a fórmula LOVE². Esta fórmula significa LOVE x LOVE – no qual o primeiro membro é o amor por si próprio, multiplicado pelo amor pelo outro. O L significa listen, ouve-te, o O significa observa-te, o V significa valida-te e o E significa energiza-te, porque só podemos dar aquilo que somos, que fazemos e que temos.

Contacts:
Posted by: AdminPEDteste on