Lisboa: Compradores internacionais dinamizam o mercado imobiliário

  • Os preços máximos por metro quadrado atingem os 12.500 euros
  • Novo visto para os nómadas digitais
  • Cada vez mais empresas tecnológicas relocalizam as suas sedes para Portugal

 

Lisboa é o centro político, cultural e económico de Portugal, e é conhecida pelos seus edifícios históricos e pela sua cultura vibrante. Todos os anos, inúmeros turistas visitam a capital, que se caracteriza pela sua soberba qualidade de vida, pelo clima mediterrânico e pela curta distância a que as praias se encontram da cidade. O elevado número de turistas atrai um número correspondentemente elevado de compradores de propriedades.

“O mercado imobiliário em Lisboa está cada vez mais popular. A cidade tornou-se um dos principais destinos de eleição para muitos nómadas digitais desde a pandemia. São sobretudo atraídos pelo clima ameno que dura o ano inteiro, o custo de vida moderado, as ligações convenientes com outros destinos europeus e pela boa oferta de espaços de coworking existentes na cidade. A maioria dos nómadas digitais vive aqui entre seis meses e um ano e tende a optar por pequenos apartamentos no centro da cidade”, revela Vanessa Moreira, Managing Partner da Engel & Völkers Lisboa.

No final de outubro, o Governo português implementou o “digital nomad visa”, que dará aos indivíduos que trabalham remotamente para fora da União Europeia a oportunidade de viver e trabalhar no país durante um período de 12 meses.  Para obter este visto, o salário deve ser, pelo menos, quatro vezes o salário mínimo português, traduzindo-se em cerca de 2800 euros por mês.

Lisboa com uma grande procura entre os estrangeiros

A baixa taxa de criminalidade, o elevado nível de segurança, a qualidade do sistema de educação e os incentivos governamentais são fatores que fazem de Lisboa um local bastante apelativo para investir, e a capital portuguesa está a desfrutar da sua crescente popularidade.

Muitas empresas estão neste momento a ser atraídas pelo estatuto de Lisboa como tech hub e, como resultado disso, a cidade tem vindo a tornar-se um centro para start-ups. Isto deve-se também, além do talento local disponível, ao facto do mercado imobiliário ainda ter um preço moderado comparativamente a outros países.

Apesar de os portugueses serem o grupo mais forte de compradores em Lisboa, representando cerca de 75 por cento, o número de compradores internacionais está a aumentar de forma constante, traduzindo-se numa percentagem de 25 por cento o investimento feito por compradores internacionais em lisboa.

No mercado imobiliário de luxo, mais especificamente em propriedades localizadas em Lisboa e avaliadas em mais de um milhão de euros, os principais interessados são de nacionalidade brasileira. Seguem-se os compradores da América do Norte, Alemanha, Reino Unido e França. As zonas de Alcântara, Parque das Nações, Penha de França e São Vicente são as mais procuradas entre os investidores.

Preços mais elevados no centro de Lisboa

A Freguesia de Santo António é uma das áreas mais exclusivas em Lisboa. É conhecida pelos seus monumentos históricos, pelas suas lojas tradicionais e pelos seus cafés e bares trendy. Os preços máximos dos apartamentos no 1.º trimestre de 2022 atingiram 12.500 euros por metro quadrado, enquanto os preços para Moradias e para casas germinadas atingiram os 3,36 milhões de euros.

 

O bairro da Estrela é muito popular entre os portugueses, onde se localizam inúmeros museus e outros pontos turísticos como a Basílica da Estrela, um antigo convento de freiras carmelitas pertencente ao século XVIII, e o Jardim da Estrela, um dos espaços verdes mais bonitos da cidade. Os preços máximos dos apartamentos foram de 10.800 euros por metro quadrado no 1º trimestre de 2022. Os preços das casas nesta parte da cidade atingiram um pico de 3,4 milhões de euros. O bairro é particularmente procurado por famílias, que são atraídas pela segurança que oferece, bem como pela diversidade da envolvente natural e dos cenários à beira-mar. Além disso, foram pagos preços de até 15 milhões de euros por propriedades de colecionador.

 

As Avenidas Novas é uma freguesia residencial que está situada no centro da cidade. As casas neste bairro são particularmente procuradas por elementos da classe média alta de lisboa. Os investidores estrangeiros são atraídos pelos inúmeros cafés, centros comerciais e excelentes infraestruturas. No 1º trimestre de 2022, os preços mais elevados praticados, por metro quadrado, em apartamentos de habitação própria rondaram os 10.000 euros. Os preços das moradias e habitações geminadas atingiram os 2,75 milhões de euros durante o referido período. Para propriedades com características diferenciadoras, foram praticados preços até aos dez milhões de euros nesta freguesia.

 

Perspetivas: Interesse imobiliário em Lisboa mantém-se elevado

Apesar do mercado imobiliário estar neste momento a ser impactado pelos acontecimentos que o mundo atravessa, os últimos meses mostraram que o interesse pelo imobiliário residencial em Lisboa continua elevado. Desafiando o aumento da inflação e o ligeiro aumento dos preços, a procura de bens imobiliários continua a crescer.

 

“Os bens imobiliários continuam a provar ser um investimento seguro. O aumento das taxas de juro não teve até agora um impacto significativo no número de transações imobiliárias residenciais. Os potenciais compradores ainda estão dispostos a pagar o preço atual do mercado, especialmente em locais privilegiados. Posto isto, prevemos que a procura continuará a ser forte a longo prazo, e que os preços irão estabilizar a um nível elevado em 2023”, diz Vanessa Moreira.

 

Historical apartment with view of Cristo Rei

Fonte: Engel & Völkers Market Center Lisbon

A Engel & Völkers está atualmente a comercializar este apartamento histórico por 1,5 milhões de euros. Está localizado na freguesia de Santa Maria Maior, no Chiado. A propriedade é decorada com azulejos originais e tetos pintados com a técnica fresco. Os 158 metros quadrados de área de habitação incluem um quarto com vista para o “Cristo Rei”, duas casas de banho, um escritório, uma cozinha e uma sala de estar e de jantar.

 

Charmoso Apartamento

Fonte: Engel & Völkers Market Center Lisbon

Este charmoso apartamento antigo, com uma ótima iluminação natural, está à venda na Graça por 1,55 milhões de euros. Esta elegante propriedade está localizada numa vivenda centenária que foi completamente renovada. Numa área de habitação com mais de 340 metros quadrados em dois andares, quatro quartos, cinco casas de banho, duas varandas, cozinha totalmente equipada e uma espaçosa sala de estar e de jantar. Os dois andares estão interligados por uma elegante escadaria em espiral.

Contacts:
Posted by: Portugal em Destaque on